Trabalhadores das agroindústrias definem aumento de 10,40% : ACRACOM

BLOG ACRACOM


26/10/2015 | Região Sul

Trabalhadores das agroindústrias definem aumento de 10,40%

Nas assembleias realizadas nas três unidades da JBS Foods em Forquilhinha, Nova Veneza e Morro Grande nos dias 21 e 22 de outubro, os trabalhadores aprovaram a proposta de 10,40 de aumento, sendo 9,90% da inflação do período e 0,50% de ganho real entre demais cláusulas sociais.

Em Forquilhinha, além do índice, eles aceitaram o abono de R$ 550,00, cesta em salário de R$ 89,00, licença maternidade para 150 dias, 36h para mãe ou pai levar filho ao médico e o piso de R$ 1.253,03. Em Nova Veneza o abono ficou R$ 945,00, acrescentar mais dois produtos na cesta básica, 36h para levar o filho ao médico e piso de R$ 1.253,03. Já em Morro Grande, o abono ficou R$ 607,00, mais dois produtos na cesta básica, 36h para levar o filho ao médico e piso de R$ 1.253,03.

Na avaliação do presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação de Criciúma e Região - Sintiacr, Célio Elias, a direção acatou a decisão das assembleias mas entende que a categoria poderia ter avançado mais no índice financeiro tendo em vista o excelente momento de lucro com a alta do dólar e aumento das exportações que vive a multinacional.

Os cerca de três mil trabalhadores reivindicavam INPC mais 5% de aumento real; redução do vale-transporte de três para 1%; abono de um piso da categoria – R$ 1.135,00; plano de saúde – Unimed para quem não possui com a mesma política vigente; auxílio-maternidade para 180 dias para todas as unidades; reajuste na cesta-básica de 20%%; levar filho ao médico 40 anos pro ano; congelamento dos valores da refeição e manutenção dos adicionais de insalubridade e periculosidade entre outros. A data-base é 1º de outubro.

Escrito por: Maristela Benedet